Translate

Bem vindos sejam!


'"Arte, "a parte pelo todo", assim como a metonímia nada tem de insignificante em sua instrução e reconstrução no texto lírico. É parte das matérias e das almas como flores geométricas e fractais de uma natureza infinita'"

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Adedanha


Peço licença as estrelas
Chamo atenção dos astros
Peço licença ao espaço sideral

Estrela do mar tá no fundo
Desejando a todo mundo
O que há de melhor no plano astral

Luz do cometa no espaço
Sinto o calor de um abraço
Transformando aurora em todos nós juntos

Por que não há nada de melhor
Em descobrir que não estamos sós
E que o melhor da vida é arte em conjunto

Porque não há nada de melhor
Em descobrir que não estamos sós
E que o melhor da vida é a arte em conjunto

E na beirada da pedra do elefante
Ouvindo o mar pescando versos pra rimar

Nunca esquecerei do porre
Brincando de adedanha
E a alegria que fluía dos corais

Nunca me esquecerei de Itaipuaçu!!!

Seu oswaldão

Beto!
A vida tem direções inexplicáveis!
Na busca do amor sublime
E a esperança é tentativa
Do tempo que nos resta pra escolher
Colhendo o amor simples
Que naturalmente demora pra nascer
Ou morre
E demora pra renascer..

Nunca me esquecerei do porre
Brincando de adedanha
E a alegria que fluía dos corais ( Todos cantando juntos)

Peço licença as estrelas
Chamando a atenção dos astros
Que o melhor dessa viagem foi vivido
E registrado